Nasci em 1979 na bela ilha da Madeira, Portugal. Inicialmente formado em psicologia e gestão de recursos humanos, a fotografia surgiu como uma forma de expressão e escape das rotinas diárias, tendo-se convertido rapidamente em uma atividade profissional na área da fotografia de casamentos.

O objetivo em cada trabalho é sempre capturar pequenos momentos reveladores de emoções reais, enquadrados em cenários e contextos naturais, não construídos propositadamente para a foto, deixando transparecer um pouco da minha sensibilidade e percepção de beleza em cada registo.

O estilo utilizado é portanto uma mistura entre a fotografia de paisagem, na qual dei os meus primeiros passos, e foto-jornalismo, em que se procura a obtenção de fotografias sem poses, acompanhando o desenrolar dos acontecimentos da forma mais genuína possível, com a mínima intervenção possível por parte do fotógrafo.

Experiência:

  • Início da atividade: 14-09-2014
  • N.º de casamentos: >100
  • N.º de sessões fotográficas com casais: >120

Prémios e destaques:

Publicações de relevo:

Formações mais recentes:

  • Curso de Fotografia Inforstudio & Imart8, 2012;
  • Curso Avançado de Paisagem Inforstudio & IMart8, 2013;
  • Workshop “Can You See The Light”, por Humberto Almendra, 2013;
  • Workshop de Fotografia Stop Motion e Time Lapse “Olhares”, por Daniel Camacho, 2014;
  • Workshop de Fotografia Noturna “Olhares”, por Daniel Camacho, 2014;
  • Workshop Fujifilm X – Emotional Fine Art Wedding Photography, por Nelson Marques, 2015.

 

Entrevista disponível no site MyWed:

“Antes de mais, quem é para si o melhor fotógrafo de casamentos da sua cidade? 🙂

A modéstia impede-me de responder 😀 Agora a sério, temos excelentes fotógrafos e videografos em Portugal, e a ilha da Madeira não é uma exceção.

Você é fotogénica(o)?

Por algum motivo prefiro estar do outro lado da lente 😀

Em sua opinião, quais são os componentes mais importantes para uma boa fotografia?

O momento, o enquadramento e a luz.

Gosta de viajar?

Se há alguém que não goste, posso recomendar um bom psicólogo 😀

O que mais gosta na sua profissão?

Ver o brilho nos olhos dos clientes quando veem as primeiras fotos.

Como lida com as críticas?

Pondero sempre sobre elas e evoluo.

Qual deve ser o critério para a noiva e o noivo escolherem o seu fotógrafo de casamento?

Pensar no tipo de memórias fotográficas que querem deixar aos seus filhos, netos, bisnetos, etc.

O que não é permitido de todo ao fotografar?

Ser o centro das atenções.

Quais são as coisas em que as pessoas comuns não reparam que podem ser captadas pelo fotógrafo de casamento?

Que existe beleza em todo o lado.

Acredita que consegue replicar a alma da pessoa que está a fotografar?

Sem dúvida, não fotografaria de outra forma.

Como aprende a tirar fotos melhores?

Sou o meu maior crítico.

O que pretende transmitir com as suas fotos?

Emoção, alma.

Gosta de cães e gatos?

Adoro a ambos.

A quem ou o que odeia?

Felizmente não odeio.

A melhor coisa na vida é:

Acordar todos os dias.”